O Império Português e a concorrência internacional

Print Friendly Version of this page Print Get a PDF version of this webpage PDF
1. Refere as causas que motivaram a crise do Império Português.


2. Indica os factores que permitiram o apogeu do Império Espanhol.


3. Distingue os conceitos de mare clausum e mare liberum.


4. Justifica o enriquecimento da Holanda durante o século XVII.


5. Enumera os territórios que faziam parte do Império Holandês.


6. Explica o objectivo da criação de Companhias Comerciais pela Holanda.


7. Mostra em que consistia a Bolsa de Valores.


8. Indica o nome da cidade holandesa que se tornou um centro financeiro mundial.


9. Explica em que contribuiu o «Acto de Navegação» para o progresso da marinha inglesa.


10. Justifica a viragem de Portugal para o Brasil.


11. Salienta o papel dos bandeirantes no território brasileiro.



Verifica as tuas respostas:

1. As viagens eram muito perigosas, muito dispendiosas e demoradas; a existência de corrupção na administração dos territórios portugueses; pirataria e naufrágios que causavam elevadas perda; concorrência de rotas terrestres; encerramento da feitoria portuguesa em Antuérpia.


2. Sevilha é um importante centro económico nesta época; Espanha detém uma vasta extensão territorial e poder comercial, possui minas de ouro e prata na América e controla a Rota de Manila.


3. Mare Clausum: apenas Portugal e Espanha tinham o direito de navegar nas zonas marítimas a eles atribuídas pelo tratado de Tordesilhas;
   Mare Liberum: liberdae de navegação, para todos os países.


4. Desenvolvimento da construção naval; incremento das manufacturas e da agricultura; forte dinamismo comercial; tolerância religiosa.


5. A Holanda ocupou possessões portuguesas em África ( Arguim, Mina e Luanda) e no Brasil (nordeste brasileiro). Fixou-se também em África do Sul ( Cabo), América do Norte ( Nova Amesterdão - actual Nova Iorque) e nas ilhas da Indonésia.


6. Melhor organização do comércio colonial; possibilidade de se reinvestirem os lucros obtidos com a actividade comercial.


7. As bolsas eram mercados onde se negociavam acções pertencentes a  companhias comerciais e outros títulos. Despertam o interesse para a participação em actividades capitalistas.


8. Amesterdão.


9. Permitiu o incremento da construção naval e o desenvolvimento da marinha marcante inglesa.


10. Esta viragem surge na sequência da crise do império português do Oriente, trazendo alguma prosperidade a Portugal.


11. Os Bandeirantes exploram o interior do Brasil, encontrando minas de ouro e prata e permitiram delimitar as fronteiras brasileiras. 
Share this article :
 

+ comentários + 2 comentários

Anónimo
13 de Fevereiro de 2012 às 11:14

muito bom ! obrigada , me ajudou imenso no meu próximo teste de história .

Marta

Anónimo
8 de Março de 2012 às 13:38

LOOL!!!
CONHECER A (UNIÃO IBÉRICA)

Enviar um comentário

 
Copyright © 2013. HISTÓRIA VIVA - All Rights Reserved
Template Created by Creating Website Published by Mas Template
Proudly powered by Blogger